REFLEXÕES ACERCA DA ATUAÇÃO DO TERAPEUTA OCUPACIONAL NOS PROCESSOS SOCIOEDUCACIONAIS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA MENTAL

BRUNA CUCCIA BIAGIOTTO, ADRIANA HESSEL DALAGASSA

Resumo


Este ensaio objetiva refletir sobre as possibilidades de ação do terapeuta

ocupacional nos processos socioeducacionais da pessoa com Deficiência Mental,

tomando como base o referencial histórico-cultural de Vygotsky, aliado a um olhar

holístico de atuação. Através do levantamento bibliográfico realizado, observouse

que tendências contemporâneas de Saúde e Educação apontam para um

redirecionamento na forma de conceber e intervir no desenvolvimento humano e

nos processos de aprendizagem da pessoa com Deficiência Mental, com ênfase

para suas habilidades e potencialidades e seu contexto sociocultural. Assim, ao

longo do estudo busca-se evidenciar que, partindo do contexto escolar (em seu

sentido amplo), a atuação do terapeuta ocupacional junto a essa clientela pode

favorecer a passagem para novas e importantes etapas de desenvolvimento e

para novos e satisfatórios papéis ocupacionais, rumo a um desempenho

ocupacional competente.


Texto completo:

PDF


_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br