Habilitando ocupações: prática baseada na ocupação e centrada no cliente na Terapia Ocupacional/Enabling occupation: occupation-based and client centred practice in Occupational Therapy

Tatiana Pontes, Helene Polatajko

Resumo


Os terapeutas ocupacionais sempre se dedicaram ao estudo da ocupação humana, no entanto, no decorrer desta trajetória, nem sempre o cliente era percebido como um ser ocupacional, com necessidades, interesses e metas individuais. O interesse no engajamento de clientes em suas ocupações, ao invés do interesse na restauração dos componentes de desempenho, juntamente com a mudança do conceito de ocupação, exige do profissional uma ampliação do escopo da prática. As teorias mais atuais relacionadas à prática da terapia ocupacional têm preconizado o uso de abordagens centradas no cliente e baseadas em ocupações. Na prática centrada no cliente e baseada em ocupação, o cliente participa ativamente nas escolhas das metas, sendo estas prioritárias e centrais no processo de avaliação, intervenção e resultados. Existem numerosas evidências na literatura, com resultados significativamente positivos e que apoiam o uso destas abordagens. Estas abordagens se baseiam na premissa de que as metas e objetivos das intervenções devem ser focados em ocupações e atividades significativas para o cliente e refletem os valores centrais da terapia ocupacional: uma perspectiva centrada na ocupação que respeita as escolhas do cliente, suas metas e valores, promovendo e habilitando o engajamento em ocupações significativas.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4322/0104-4931.ctoARF0709

_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br