Práticas de cuidado em saúde mental na Atenção Básica: identificando pesquisas no contexto brasileiro/Mental health care practices in Primary Health Care: identifying researches in the brazilian context

Amanda Dourado Fernandes, Mariana Santos De Giorgio Lourenço, Thelma Simões Matsukura

Resumo


Introdução: Debates nacionais e internacionais apontam para a importância e necessidade de um cuidado em saúde mental na atenção básica e discutem os principais desafios e proposições. Objetivo: O presente estudo tem por objetivo identificar e analisar o que tem sido produzido na literatura científica nacional sobre as práticas de cuidado em saúde mental na atenção básica à saúde, de acordo com uma revisão integrativa de literatura. Método: A revisão foi realizada na base de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), tendo 19 artigos sido elegíveis para integrar o estudo, conforme os critérios de inclusão adotados. Resultados: Identificaram-se seis temáticas abordadas com mais frequência nos estudos: formação e capacitação profissional; modelo biomédico, medicalizante e excludente; especialidade do cuidado; usuário, família e rede de apoio; potencias-práticas no território; possibilidades e desafios. Com base nos resultados apresentados, evidenciaram-se as dificuldades que permeiam as práticas de cuidado em Saúde Mental na Atenção Básica oferecidas ao usuário em sofrimento psíquico. Conclusão: Tais resultados, além de causarem preocupação, revelam a necessidade de investimento em práticas de cuidado efetivas e integrais, respaldadas pelas Políticas Públicas de Saúde Mental e de Atenção Básica.


Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.4322/2526-8910.ctoAR1162

_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br