Pensando a Terapia Ocupacional em um Caso de Síndrome de Aicardi

Celinda Barbosa DE CASTRO, Michele Lisita JUNQUEIRA

Resumo


A síndrome de Aicardi é uma síndrome rara e de prognóstico obscuro, que acomete somente meninas. Consequentemente, pouco tem-se definido sobre o tratamento mais adequado e/ou eficaz. Na tentativa de desvendar um pouco mais desta síndrome, apresenta-se aqui um caso em atendimento terapêutico ocupacional, e discute-se a eficácia e especificidade desta intervenção. Trata-se de um estudo descritivo do trabalho realizado por estagiários de terapia ocupacional durante três meses, em duas sessões semanais, com uma menina de 4 anos de idade. Descreve-se e discute-se os materiais, métodos e abordagem utilizada nos atendimentos. As características clínicas do caso surpreendem as expectativas dos primeiros registros da síndrome, apresentando em pouco tempo grandes aquisições sociais, cognitivas, motoras e de linguagem. Por isso, apesar dos registros indicativos de severa limitação e prognóstico ruim, e diante da quantidade de casos de relativa evolução favorável que tem surgido, é que se discute a necessidade das intervenções multidisciplinares e principalmente, a afirmação da terapia ocupacional como especialidade absolutamente necessária no cuidado destas crianças.


Texto completo:

PDF


_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br