Saúde mental infantojuvenil e desafios do campo: reflexões a partir do percurso histórico/Child and adolescent mental health and field challenges: reflections from the historical path

Bruna Lidia Taño, Thelma Simões Matsukura

Resumo


 Por meio de uma revisão de obras e estudos de referência sobre o tema, este texto reflexivo tem como objetivo discutir o campo da saúde mental infantojuvenil no Brasil, abarcando seu processo de constituição até o momento atual. Para tanto enfoca o desenvolvimento inicial do campo fundado a princípio na psiquiatria infantil; apresenta considerações a respeito da relevância do movimento da Reforma Psiquiátrica e delineia as atuais políticas de saúde mental para esse grupo. Busca problematizar os modos com que atualmente tem sido realizada a atenção em saúde mental para crianças e adolescentes que se encontram em experiência de sofrimento psíquico, principalmente para aqueles que se encontram em situação de maior gravidade. Sugere-se que as políticas e ações de cuidado a serem estabelecidas possam sanar uma dívida histórica no que tange à resposta e ao cuidado das questões de maior complexidade colocadas pelas situações de sofrimento que impedem o exercício da autonomia para essas crianças e adolescentes.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4322/0104-4931.ctoAR0479

_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br