Adaptação transcultural da bateria DLOTCA-G (Dynamic Lowenstein Occupational Therapy Cognitive Assessment – for Geriatric Population) para a língua portuguesa/Cross-cultural adaptation of the DLOTCA-G (Dynamic Lowenstein Occupational Therapy Cognitive Ass

Marcia Maria Pires Camargo Novelli, Nataly Cristina Fachinetti Marques, Renata Souza Mendes, Mariana Matteuci, Amanda Sardinha de Medeiros, Juliana Kuga, Amanda Fabrício Machado, Lúcia da Rocha Uchôa-Figueiredo, Noomi Katz

Resumo


Introdução: A bateria DLOTCA-G (Dynamic Loewenstein Occupational Therapy Cognitive Assessment – for Geriatric Population) é uma avaliação dinâmica dos componentes cognitivos de idosos em oito áreas: orientação, percepção visual e espacial, práxis, construção visomotora, operações de pensamento, memória e consciência. Objetivo: Adaptar transculturalmente a bateria DLOTCA-G para o português do Brasil. Métodos: O processo de adaptação transcultural seguiu a metodologia de tradução, retrotradução, avaliação das equivalências semânticas, idiomáticas, conceituais e culturais, seguidas por pré-teste. Resultados: Na etapa de tradução foram feitas inclusões e exclusões de palavras visando ao entendimento do conteúdo em português. Na avaliação das equivalências semânticas e idiomáticas dos 355 itens avaliados, 23 itens apresentaram discordância. Nas equivalências conceituais, dos 37 itens analisados nenhum apresentou discordância e, nas equivalências culturais, dos 37 itens avaliados dois itens apresentaram discordância. Os itens discordantes foram modificados a partir das sugestões dos juízes, o que produziu a terceira versão traduzida e adaptada da bateria que foi aplicada (pré-teste) em uma amostra de 10 idosos de uma comunidade. Nessa fase não foram identificadas dificuldades na sua aplicação, tanto em relação aos profissionais quanto aos idosos. O tempo médio de aplicação da bateria foi de 48,7 min. Conclusões: A bateria DLOTCA-G é a primeira avaliação dinâmica dos componentes cognitivos de idosos disponível em português e mostrou ter boa aplicabilidade, não sendo identificadas dificuldades de aplicação por parte dos examinadores e nem dificuldades de compreensão por parte dos idosos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4322/0104-4931.ctoAO0490

_________________________________________________________________

Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional/Brazilian Journal of Occupational Therapy
ISSN: 2526-8910
Universidade Federal de São Carlos
Rodovia Washington Luis, km 235, Caixa Postal 676, Cep 13.565.905, São Carlos - SP, Brazil
Phone: +55(16)3351-8649. E-mail: cadto@ufscar.br