Desenvolvimento de manual para orientações básicas do dia a dia para pessoas com esclerose múltipla/Manual development for basic guidelines of the day-to-day for people with multiple sclerosis

Autores

  • Paula Pozzi Pimentel Terapeuta Ocupacional. Graduada no Curso de Terapia Ocupacional – Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
  • Rosé Colom Toldrá Profª Drª do Curso de Terapia Ocupacional – Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

DOI:

https://doi.org/10.4322/0104-4931.ctoAR0773

Resumo

Objetivo: O estudo visa apresentar as etapas desenvolvidas para o aprimoramento de manual de orientação e sua aplicação com pessoas com esclerose múltipla (EM), ocorrida em um grupo terapêutico conduzido pela Terapia Ocupacional. Conforme as políticas de saúde, a produção de materiais educativos tem caráter multidisciplinar e é útil como ferramenta para a promoção de saúde devido à sua capacidade de aumentar o conhecimento e de solucionar problemas. O caráter crônico e progressivo da EM traz alterações em diferentes funções do corpo e demanda mudanças e estratégias para minimizar o seu impacto na vida das pessoas. Método: Estudo documental baseado nos registros escritos e áudios produzidos nos encontros grupais no período de 2013 a 2014. A análise dos documentos foi feita com base no método do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). Resultados: Participaram do estudo 10 pessoas com EM, com idade entre 23 a 55 anos, a maioria com mais de cinco anos de doença. Foram gerados quatro DSCs. De acordo com os discursos, o manual serviu não só como uma ferramenta prática e de fácil consulta, o que favoreceu a desmistificação da doença, mas também como guia para as atividades da rotina, apoio para identificação dos problemas e facilitação na convivência com a rede social. Conclusão: O uso do manual mostrou-se útil por facilitar a prática do aprendizado adquirido no grupo e estimular a corresponsabilização com a própria saúde.

Biografia do Autor

Paula Pozzi Pimentel, Terapeuta Ocupacional. Graduada no Curso de Terapia Ocupacional – Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Possui graduação em Terapia Ocupacional pela Universidade de São Paulo em 2015. Foi bosista PIBIC, bolsista do Programa Aprender com Cultuta de EXtensão da USP.

Rosé Colom Toldrá, Profª Drª do Curso de Terapia Ocupacional – Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Possui graduação em Terapia Ocupacional pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1980), especialização em Filosofia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1986) e doutorado em Sociologia pela Universitat de Barcelona (1996). Professora Doutora MS3 em Regime de Dedicação Integral à Docência e Pesquisa (RDIDP) no Curso de Terapia Ocupacional - Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Revisora dos seguintes periódicos: Revista de Terapia Ocupacional da USP, Cadernos de Terapia Ocupacional da UFScar, Revista Brasileira de Saúde Ocupacional e Revista Interface - Comunicação, Saúde e Educação. Há 30 anos vem trabalhando no campo do ensino, pesquisa e extensão universitária. Tem participado de diferentes atividades vinculadas ao Ensino Superior e à Graduação em Terapia Ocupacional. Atua na área de atenção a saúde e reabilitação de pessoas adultas e idosas enfocando principalmente os seguintes temas: estudo de recursos terapêuticos e abordagens corporais, terapia ocupacional nos diferentes níveis de atenção à saúde de pessoas com deficiência e incapacidade, reabilitação, tecnologia assistiva, cidadania, políticas públicas e inclusão no mercado de trabalho de pessoas com deficiência.

Downloads

Publicado

2017-03-30

Como Citar

Pimentel, P. P., & Toldrá, R. C. (2017). Desenvolvimento de manual para orientações básicas do dia a dia para pessoas com esclerose múltipla/Manual development for basic guidelines of the day-to-day for people with multiple sclerosis. Cadernos Brasileiros De Terapia Ocupacional, 25(1), 67–74. https://doi.org/10.4322/0104-4931.ctoAR0773

Edição

Seção

Artigo Original