Flutuar para crescer: nutrir as raízes da prática socialmente inclusiva e justa com estudantes de terapia ocupacional

Autores

Resumo

Modelos de prática e referenciais teóricos que buscam diminuir a ênfase e focar nas implicações de atitudes sociais, normas e cultura são significativos e relevantes para a prática da terapia ocupacional. Para aprofundamento na prática centrada no cliente, há uma necessidade de destacar e abordar a interseção de teorias que reduzem a ênfase na deficiência e passar da compreensão conceitual para a verdadeira aplicação desses modelos teóricos na prática. Este artigo descreve a inclusão da Workshop de Salamandra; uma atividade de aprendizagem experiencial projetada para facilitar o desenvolvimento da autoconsciência terapêutica dos estudantes e iniciar um ponto de partida para incorporar estruturas sociais no interior de práticas autênticas. As reflexões dos estudantes conceituam a discussão sobre crescimento e desenvolvimento profissional no contexto de experiências de deficiência, mudança social e empoderamento. O artigo inicia com uma introdução sobre como a profissão de terapia ocupacional e os estudos sobre deficiência se interligam. Isto é seguido por uma descrição do programa de educação em terapia ocupacional no qual a atividade de aprendizagem experiencial ocorreu e detalhes do próprio workshop. As duas seções finais do artigo articulam e discutem as reflexões dos estudantes sobre o exercício de aprendizagem experiencial e concluem analisando a discussão dentro do contexto mais amplo da pedagogia da terapia ocupacional. O Workshop Salamandra facilitou uma oportunidade para os estudantes mergulharem na experiência vivida pelos outros, ao mesmo tempo em que aprimoraram sua própria autoconsciência, o que, por sua vez, pode se traduzir em seu crescimento e desenvolvimento como profissionais inclusivos.

Downloads

Publicado

2022-09-21

Como Citar

Karp, P., & Block, P. (2022). Flutuar para crescer: nutrir as raízes da prática socialmente inclusiva e justa com estudantes de terapia ocupacional. Cadernos Brasileiros De Terapia Ocupacional, 30, e3312. Recuperado de https://www.cadernosdeterapiaocupacional.ufscar.br/index.php/cadernos/article/view/3312

Edição

Seção

Relato de Experiência ou Estudo de Caso